• Rodrigo Bernardes

Wordpress ou Shopify? Qual a melhor escolha para o seu e-commerce?

Você já tem o nome da sua loja, já tem logo, identidade visual, já sabe em qual nicho de mercado atuar, mas ainda está em dúvida sobre qual a melhor plataforma para seu e-commerce: Wordpress ou Shopify? Neste artigo, vamos apresentar alguns prós e contras de cada uma e esperamos te ajudar a resolver essa questão.


O mercado virtual tem se tornado cada dia mais algo recorrente na vida das pessoas e, por isso, muitos vendedores buscam criar sua loja virtual, até mesmo alguns que já possuíam loja física estão optando por ter também ou de forma exclusiva um e-commerce.


Basta uma rápida pesquisa e um conhecimento básico para notar que Shopify ou Wordpress vão ser uma das principais opções que irão surgir nas buscas sobre as melhores plataformas para criação de e-commerce.


Vale lembrar que a Shopify é uma plataforma exclusiva de comércio eletrônico, enquanto o Wordpress é um criador de sites, desde e-commerce até blogs.


[Aspecto 1] Wordpress ou Shopify: criação do site

Como já dissemos, ambas as plataformas têm propostas bem distintas e, portanto, são bem diferentes entre si desde o aspecto de criação dos sites. Essas diferenças são o que vai separar já de cara os simpatizantes de Wordpress ou Shopify.


A Shopify é uma plataforma específica e especializada em comércio eletrônico, desde sua fundação lá em 2004 no Canadá ela já nascia com a ideia de facilitar a criação de sites de vendas, que naquela época tinham bastante limitação.


Por isso, ela se foca em oferecer tudo que você vai precisar para começar uma loja virtual. Se você busca um local para te oferecer um domínio, hospedagem, mecanismos próprios de pagamento, carrinho, e outros recursos em um mesmo lugar, a Shopify é a pedida.


Para a criação de sites ela apresenta um mecanismo bastante simples mesmo para os mais leigos, bem no esquema arrastar e soltar que possibilita que mesmo quem não tem conhecimento de programação consiga criar um site tranquilamente.


Você poderá editar itens como CSS e HTML se você quiser, o que significa que esse conhecimento pode ser útil a você dentro da plataforma. Tá, mas e quanto ao Wordpress?


Para criar um comércio eletrônico no Wordpress você terá que optar pelo Wordpress.org, nele você instala em seu próprio servidor Web, por conta disso ele apresenta um código aberto o que deixa a personalização solta para você criar a vontade.


Além disso, o WordPress vem com acesso ao Plugin WooCommerce especializado no comércio eletrônico, que vai te ajudar a criar sua própria loja e checkout.


[Aspecto 2] Wordpress ou Shopify: quanto ao preço

O custo é sem dúvida um dos pontos a serem levados em conta para contratação de qualquer serviço dentro de uma empresa, mas não deve ser o único, depois de saber o preço é preciso pôr em perspectiva outros aspectos para calcular o melhor custo-benefício.


A Shopify possui 5 tipos de planos todos eles cobrado em dólar:


  1. Shopify Basic: 29 dólares mensais + 2,9% por transação. Possui tudo que você precisa para começar um novo negócio

  2. Shopify Planejamento: 79 dólares mensais + 2,6% por transação. Esse plano é mais completo possuindo o Shopify Experience como principal diferencial.

  3. Avançado Shopify: 299 dólares mensais + 2,4% por transação. Essa opção é mais indicada para empresas com grande movimentação.

  4. Plano Lite: A partir de 9 dólares mensais. Permite vendas apenas em seu próprio site ou redes sociais

  5. Shopify adição: Plano corporativo que começa a partir de 2000 dólares mensais, indicado para conglomerados de lojas.


Todos possuem uma versão de avaliação gratuita de 14 dias, inclusive em caso de upgrade de um plano para o outro.


O preço, como dissemos, precisa ser colocado em perspectiva, e você deve considerar principalmente o que a plataforma oferece. Somente assim você poderá ter noção do real custo-benefício.


Com o Wordpress você precisa pagar apenas a hospedagem, mas nos casos de sites voltado a vendas você terá que escolher entre hospedagem gerenciada ou compartilhada, a segunda é mais barata, mas não aconselhável para grandes negócios, enquanto a primeira é mais completa, porém mais cara. Veja os preços:


  • Hospedagem Gerenciada (anual): 350 dólares

  • Tema premium (uma vez por tema): 150 dólares

  • Integração de comércio eletrônico (anual): 180 dólares

  • Plugins (uma vez): 100 dólares

[Aspecto 3] Wordpress ou Shopify: quanto as ferramentas

Por fim, uma das grandes dúvidas de quem está se decidindo entre Wordpress ou Shopify está relacionado as ferramentas e funcionalidades que cada um oferece ao usuário, vamos listar as principais de cada uma começando pela Shopify.


  • Painel de controle para gerenciar, rastrear e organizar estoque, vendas, fretes e pagamentos.

  • Inserção de descrição detalhada de produto bem como fotos e vídeos dos mesmos.

  • Criação de perfis de clientes que permitem que eles compartilhem experiência de compra além de enviar sugestões de compra baseadas no perfil e histórico de compra.

  • Recurso de carrinho abandonado que se relaciona com o serviço de e-mail marketing que avisa o cliente do produto parado no carrinho.

  • Possibilidade de criação de Blogs que permitem uma maior presença online


Agora, vamos as principais ferramentas do Wordpress:


  • Ferramenta de localização geográfica que facilitam o serviço de frete

  • Modelos prontos e automatizados de e-mail para enviar aos clientes para oferecer novos produtos ou notificar carrinho abandonado.

  • Criação de cupons de descontos para apresentar aos clientes quando for mais conveniente em busca de concretizar uma venda.


Na análise Wordpress ou Shopify é importante destacar que a Shopify é muito conhecida por sua loja de aplicativos que oferece dezenas de apps capazes de facilitar seu dia a dia como gestor da loja. São aplicativos voltados para vendas, aumento das taxas de conversão, apresentação de avaliações dos clientes e mais. Confira mais sobre o assunto no artigo, “7 melhores aplicativos Shopify que vão ajudar a aumentar as taxas de conversão da sua loja”. Entre esses apps estão:


O primeiro te ajuda a recuperar boletos, com ele você pode criar e automatizar o envio de mensagens para seus clientes, seja por e-mail ou SMS.


Já o app de Parcelamento Installments apresenta o valor completo e o valor de cada parcela de um produto, em compras que optem por esse meio de pagamento. Esse recurso torna seus produtos mais acessíveis, aumentando o ticket médio das vendas (já que o cliente pode parcelar) e ainda estimula as vendas no cartão de crédito.


Conheça mais sobre cada um deles clicando nos banners abaixo.




11 visualizações0 comentário