• Rodrigo Bernardes

Como começar no dropshipping: tudo o que você precisa para começar

O dropshipping é um modelo de e-commerce em que você, dono da loja virtual, não precisa manter um estoque. Em outras palavras, você faz o intermédio entre o fornecedor e o cliente, mas com um grande diferencial, você não precisa ter um estoque do item que está sendo vendido. Mas, como começar no dropshipping e ter sucesso?

Na prática, dentro do dropshipping é o fornecedor do produto que você está vendendo que cuidará de todo o processo logístico, desde o armazenamento até a entrega efetiva desse produto ao consumidor.

Assim, não precisa de todo aquele investimento inicial para montar uma loja nem comprar os produtos para formar um estoque. Sem dúvida, é uma das vantagens que mais atraem quem está em busca de como começar no dropshipping.


Como funciona o modelo de dropshipping?

Para entender como começar no dropshipping, vamos a um exemplo. Considere que você está trabalhando com a revenda de calçados. O fornecedor do produto cobra R$60 por cada par. Logo, para ter algum lucro, a sua loja virtual comercializa o item a R$90.


Ao fazer a venda do calçado, você irá fazer a compra junto ao fornecedor, pagando R$60 e irá “embolsar” os R$30 de diferença entre o valor que você vendeu o produto e pelo qual pagou por ele.


O pedido que você faz aos fornecedores de dropshipping é feito sob demanda. Ou seja, você só paga por um item, quando vender ele.


O fornecedor está ciente da sua atuação como dropshipper e por isso ele já separa e envia o produto para o cliente, e não para o lojista.


Entretanto, é importante ficar atento quando falamos de lucro dentro do e-commerce.

Além do custo do produto, é necessário pensar no custo de todo processo até a venda.

Como o cliente irá encontrar a sua loja? Nesse ponto entram duas questões a se atentar:


  • a plataforma de vendas, que é onde sua loja estará,

  • a estratégia de marketing para e-commerce e toda divulgação necessária para que o cliente te encontre.


Além do marketing e da plataforma de vendas, conforme o negócio for crescendo entrará outros custos como funcionários, softwares para gerenciamento, e mais.

Tudo isso deve ser incluído em seu cálculo e suas despesas assim entregando um preço justo em seu produto e obtendo lucro.


No vídeo abaixo você aprende mais sobre como calcular o lucro no dropshipping, para assim poder calcular o valor do produto que você irá vender.



Vantagens do dropshipping

Até aqui, fizemos uma introdução de como começar no dropshipping, agora é importante entender porque.


O primeiro ponto é que, por não precisar de estoque, o modelo exige menos capital de giro e investimento na compra e armazenamento dos produtos.


Todos os pontos que envolvem a armazenagem do produto estarão por conta do seu fornecedor, te dando maior liberdade para pensar no que realmente importa, a venda.

Assim, o investimento que for feito será para promover os produtos, com foco na atração de novos clientes.


Além disso, o dropshipping torna mais viável a possibilidade de estar em vários nichos de mercado, atuando em mais de um setor. Uma mesma pessoa pode trabalhar com moda e eletrônicos, além do que pode começar com um e ao decorrer do trabalho mudar ou adicionar outros nichos.


Outra vantagem é o alto fluxo de capital, pois, o seu investimento estará sempre circulando, com uma divulgação assertiva e pontual são grandes as chances de chegar ao seu público alvo com facilidade.


Desvantagens

Quando pensamos em como começar no dropshipping, as vantagens brilham nos nossos olhos, mas não se pode ignorar as desvantagens, afinal, é importante saber o máximo sobre o terreno que está pisando.

As desvantagens consistem em basicamente três:

  • pouco controle da qualidade dos produtos, pela falta de acesso ao produto,

  • redução da capacidade de gestão das entregas, como será feita pelo fornecedor, pode haver diferentes qualidades, dependendo de qual fornecedor estará realizando as entregas,

  • o lucro pode ser menor do que uma venda direta.


Como começar no dropshipping?

Em síntese existem dois modelos, o dropshipping do mercado nacional e do internacional, o mais utilizado entre os empreendedores do ramo é o dropshipping internacional.

Ele consegue proporcionar uma maior variedade de fornecedores, assim como, produtos, e melhores preços.


Caso opte pelo internacional será necessário a utilização de um aplicativo que faça a integração da sua loja ao fornecedor. O sistema facilita o seu trabalho, permitindo que com um clique você consiga colocar o produto do site do fornecedor dentro da sua loja virtual. Também é possível editar, antes de começar o processo de vendas.


Sobre este tópico leia mais no artigo: “Processador de pedidos dropshipping Shopify com o AliExpress”.


Vale ressaltar que para você que está procurando como começar no dropshipping, essa pode ser uma boa escolha, pelo fato que os fornecedores estão acostumados com esses processos logísticos.


Já o dropshipping nacional você vai trabalhar com fornecedores que estão dentro do Brasil, o que auxilia muito na comunicação, pelo simples fato de falarem o mesmo idioma.


É necessário também que eles respeitem as regras e leis de comércio vigentes, assim como você. Tudo isso é uma grande vantagem para políticas de trocas e devolução.


Ambos possuem seus prós e contras, e sua loja não precisa se limitar a apenas um deles, mas é importante se conhecer ambos, para tomar uma melhor decisão.


No vídeo abaixo falamos mais sobre as diferenças, prós e contras de cada opção. Confira!



Aplicativos que ajudam a vender mais no dropshipping

Uma outra dica para quem está buscando por como começar no dropshipping é buscar por apps que te ajudam a automatizar as séries de atividades que você precisará realizar.


A plataforma de criação da loja virtual da Shopify oferece uma loja de aplicativos com sistemas que ajudam a otimizar a taxa de conversão de vendas do dropshipping, entre eles:


O Boleto Recovery é um app especializado em recuperar boletos que não foram pagos pelos clientes. Por meio dele é possível automatizar a comunicação, com envio de SMS e e-mail para os clientes com boletos em aberto,


Já o app de parcelamento apresenta o valor total de um produto, o número de parcelas e o valor que deverá ser pago mensalmente em uma parcela a prazo. Isso torna o produto mais acessível e aumenta o ticket médio dos clientes.


Por último, o ShopLinks é uma plataforma que te ajuda a encontrar influenciadores digitais e afiliados que podem se tornar aliados do seu negócio. Ao invés de fazer várias pesquisas e enviar mensagens individuais para cada influenciador, em poucos instantes você encontra pessoas que estão dispostas a anunciar e divulgar seus produtos.


Ficou interessado? Conheça mais sobre as nossas soluções. Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários. Boas vendas!



7 visualizações0 comentário