• Rodrigo Bernardes

Como usar influenciadores digitais no e-commerce? 5 dicas 💲

Atualizado: 15 de jun.

Como usar influenciadores digitais no e-commerce? Será que vale a pena? Como encontrar as pessoas certas? Como medir os resultados alcançados? Essas são algumas perguntas comuns feitas por pessoas que estão começando a conhecer essa estratégia.


E para te animar a seguir na busca por essas respostas, vamos a um dado impressionante coletado em um estudo da Nielsen Catalina Solutions que indicou que o retorno sobre investimento em ações com influenciadores pode chegar a 11x, ou seja, você tem um retorno 11 vezes maior do que o investimento realizado.


Incrível? Curtiu? Então é hora de aprender como usar influenciadores digitais no e-commerce.


Os influenciadores digitais impactam diretamente as vendas do negócio, isso porque agregam a própria reputação, alcance e engajamento, ao produto que apresentam.


De fato, o estudo exclusivo do Instituto Qualibest indica que 71% das pessoas seguem influenciadores digitais e 73% já compraram produtos indicados por um influenciador.


Logo, estamos falando de uma poderosa ferramenta de marketing para e-commerce que tem impacto direto no percentual de conversão das lojas virtuais.

Como usar influenciadores digitais no e-commerce?

A seguir, acompanhe o passo a passo de como usar influenciadores digitais no e-commerce:


  1. Defina a persona do produto

  2. Encontre influenciadores que são relevantes para esse público

  3. Considere mais do que o número de seguidores

  4. Defina o formato da campanha

  5. Acompanhe os resultados

1. Defina a persona do produto


A persona do produto é uma representação de uma pessoa que tem o perfil de cliente ideal do produto, que melhor vai aproveitar as soluções que ele tem a apresentar. É uma representação desse cliente que pode ganhar muito ao comprar o item oferecido.

De maneira geral, é uma evolução do famoso “público-alvo” da empresa.

Aprender como criar a persona do e-commerce ou do produto vai ajudar a segmentar melhor suas campanhas e a direcionar sua comunicação, alinhando mensagens e linguagem a do cliente em foco.


Fonte: Propulsão Digital

2. Encontre influenciadores que são relevantes para esse público


Definido o público é hora de encontrar influenciadores digitais que se comunicam com essa persona.


Essa é uma das etapas mais estratégicas do uso de influenciadores digitais no e-commerce.


Não adianta encontrar um influenciador digital com milhares de seguidores, mas que não tem em sua base consumidores alinhados ao perfil que você deseja atingir.


É fundamental que os públicos sejam similares e correspondentes.


3. Considere mais do que o número de seguidores

Uma outra dica para usar influenciadores digitais no e-commerce é usar informações que oferecem mais do que números de seguidores, mas que também apresentam bons resultados de engajamento.


Fique sempre atento a perfis de pessoas que possuem muitos seguidores, mas poucas interações.


4. Defina o formato da campanha

Depois da negociação com o influenciador e hora de colocar a campanha para rodar e uma das etapas para isso é definir o formato desse material.


Primeiro comece com o canal em que a campanha será veiculada. Youtube e Instagram são os principais canais para isso.


Depois considere os canais e formatos de conteúdo como:

  • publicação no feed,

  • imagens,

  • vídeos,

  • posts nos stories, e mais.

Leia também: Marketing digital no Instagram: 8 dicas e ações obrigatórias

5. Acompanhe os resultados

Por último, mas não menos importante, é fundamental o acompanhamento dos resultados de campanhas com influenciadores.


Assim como campanhas de Google Ads e Facebook Ads, todas as ações desse modelo precisam ser validadas por meio de indicadores de marketing fundamentais para medir se as ações estão ou não trazendo o resultado esperado para a empresa.


Os indicadores vão te ajudar a compreender quais influenciadores estão trazendo maiores retornos para sua loja, bem como compreender o tipo de mensagem que faz mais sucesso entre seus clientes, por exemplo.


Enfim, a partir da coleta de dados, a tomada de decisão sobre campanhas da empresa se torna muito mais assertiva.


Aproveite e conheça alguns apps da Shopify como:


Enquanto o primeiro te ajuda a recuperar boletos que não foram pagos pelos clientes, otimizando seu tempo e ampliando a taxa de vendas, o segundo ajuda a gerar confiança no cliente, que sabe qual o valor das parcelas e o total do pedido, tornando o produto mais acessível (uma vez que pode ser parcelado) e aumentando o ticket médio dos clientes.


Ficou interessado? Conheça mais sobre as nossas soluções. Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários. Boas vendas!



17 visualizações0 comentário