• Rodrigo Bernardes

É necessário colocar "trabalhamos com dropshipping” nas informações do e-commerce?

Quase todos os e-commerces possuem algumas abas que contam mais sobre a empresa, geralmente com o nome: “quem somos”. Esse é o espaço para contar a história da empresa e como ela opera, mas e quem trabalha com dropshipping? Vale a pena incluir informações como “trabalhamos com dropshipping”? Isso pode ajudar? É necessário? Saiba tudo neste artigo.


“Trabalhamos com dropshipping”: vale a pena colocar essa informação no site?

Você já deve ter acessado algum site que trabalha com o modelo de dropshipping. Possivelmente até comprou alguma coisa de um dropshipper, sem nem mesmo saber.


A explicação é muito simples, site de dropshipping, para todos os efeitos, são e-commerces normais e é essa mensagem que o cliente precisa assimilar para comprar de você. E no final é de você que ele vai comprar, a responsabilidade é toda sua, não importa de onde vem o produto.


Por isso, não faz sentido colocar no seu site “trabalhamos com dropshipping” até porque esse termo não é de conhecimento público e a tendência é deixar o consumidor inseguro quanto a forma que aquela loja virtual opera.


Em um mercado tão concorrido quanto o de e-commerce, não é nada fácil chamar atenção de um cliente e convencê-lo a comprar de você, por isso, não vale a pena incluir um termo pouco conhecido que no final não faz diferença para o cliente saber ou não.


O que é dropshipping?

Mas se mesmo assim optar por incluir a frase “trabalhamos com dropshipping” dentro do seu e-commerce, é interessante que explique para o consumidor o que isso significa.


O dropshipping nada mais é que uma modalidade, logística de e-commerce.


Para entender melhor vamos comparar com um e-commerce tradicional. O modelo mais comum de loja virtual atua da seguinte maneira:


  1. o cliente entra no seu site;

  2. escolhe um produto;

  3. adiciona ao carrinho;

  4. seleciona a forma de pagamento;

  5. você, como gestor do e-commerce, vai até o seu estoque, separa e embala o produto,

  6. manda para entrega.


No dropshipping o processo é praticamente o mesmo, mas a grande diferença é que você não precisa ter o estoque para vender um produto para o cliente e nem enviar para o frete.


O pedido feito pelo cliente é processado diretamente no fornecedor, e é ele quem fica responsável por separar e enviar o pedido diretamente para o cliente. Na prática o dropshipping é uma intermediação de vendas entre um fornecedor e o cliente.


Veja também: Como criar um site de dropshipping? [GUIA DEFINITIVO]


Quais cuidados tomar ao trabalhar com dropshipping?

Agora que você já entendeu se vale ou não a pena incluir a informação “trabalhamos com dropshipping” dentro do seu ecommerce, trouxemos aqui alguns cuidados que você deve tomar para que seu negócio decole.

Conheça bem a reputação dos seus fornecedores

O primeiro passo para o sucesso de um negócio de dropshipping é encontrar bons fornecedores e, para isso, você precisa pesquisar a reputação deles e ler sobre as experiências de outros clientes com ele.


O principal erro de quem está começando é ir direto nos fornecedores com preços mais baixos, de olho em uma maior margem de lucro. No entanto, se os produtos forem ruins e a entrega demorada de nada vai adiantar o preço baixo.


No caso de dropshipping nacional, você também pode buscar reviews da empresa dentro do Reclame Aqui para conhecer mais sobre os problemas que poderá encontrar. Converse com outros vendedores de dropshipping em grupos para saber com quem está lidando.


No vídeo abaixo, você encontra outras dicas de como encontrar bons fornecedores.



Teste os produtos antes de vendê-los

A melhor maneira de saber o que você está vendendo, como é o processo de entrega e qual a real qualidade do produto, é comprando o produto antes de colocar na vitrine da sua loja.


Essa medida serve até para que você consiga fazer descrições mais completas e fidedignas, tirar fotos reais e atestar a qualidade, e se for melhor do que você esperava de repente dá até para vender mais caro.


Leia também: Como cadastrar produtos na Shopify [TUTORIAL] e criar uma página perfeita?


Conheça bem a política de troca

Compreender a política de troca do fornecedor é fundamental para garantir um processo lucrativo para você.


Caso a política seja confusa e demorada, pode ter certeza que a reputação da sua loja vai rapidamente pro buraco. Por isso, sempre leia atentamente sobre a política e teste uma troca ou devolução para sentir na pele.


Não vacile no atendimento

Um dos erros mais comuns de quem trabalha com dropshipping é achar que depois de concluída a venda, o “problema” passa a ser do seu fornecedor. Mesmo que você não produza, mantenha estoque e entregue o pedido, o cliente continua sendo seu.


Por isso, é sempre importante manter contato direto com o cliente, mantendo-o informado de cada passo da venda e sanando suas dúvidas. Além de preservar a reputação da sua loja, aumenta as chances deste cliente comprar novamente com você.


E aí, já sabe se vale a pena colocar no seu site “trabalhamos com dropshipping”?


Uma das grandes dificuldades de quem trabalha nesse ramo é a criação do layout da loja, por isso, confira nosso artigo com 5 exemplos de lojas de dropshipping para se inspirar na hora de criar a sua.

Lembre-se de, além de escolher os fornecedores, cuidar da montagem ideal da sua loja. Para isso, conte com o apoio de aplicativos que contribuem para as taxas de venda, entre eles:


  • Boleto Recovery, te ajuda a recuperar boletos que não foram pagos pelos clientes, otimizando seu tempo e ampliando a taxa de vendas

  • Parcelamento - Installments, ajuda a gerar confiança no cliente, que sabe qual o valor das parcelas e o total do pedido, tornando o produto mais acessível (uma vez que pode ser parcelado) e aumentando o ticket médio dos clientes.

  • Shoplinks, é uma plataforma que te ajuda a encontrar influenciadores digitais e afiliados que podem se tornar seus aliados na busca por alcance e vendas.

Ficou interessado? Conheça mais sobre as nossas soluções. Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários. Boas vendas!



14 visualizações0 comentário