• Rodrigo Bernardes

Loja de dropshipping nacional: como começar um negócio de sucesso?

O dropshipping vem ganhando força no mercado, gerando resultados e atraindo novos empreendedores, mas apesar de entenderem o conceito, muitos não têm clareza de como começar uma loja de dropshipping nacional. Neste artigo, mostraremos o que você precisa para dar os primeiros passos nesta modalidade.


Como criar uma loja de dropshipping nacional? Passo a passo

Se você quer saber como criar uma loja de dropshipping nacional, talvez já saiba o que essa modalidade significa, mas é sempre bom ressaltar que trata-se de um modelo de intermediação de vendas onde você pode comercializar produtos sem estoque.


Os produtos dos seus fornecedores são anunciados no seu site com uma margem de lucro em cima, após cada venda você aciona seu fornecedor, faz o pagamento do produto e solicita o envio do item para o cliente.


Ver também: Não sabe como montar seu e-commerce? 5 exemplos de lojas de dropshipping para se inspirar


A seguir, organizamos um passo a passo de como você pode criar a sua loja de dropshipping nacional, Confira!


Escolha um nicho de produtos

O primeiro ponto antes mesmo de acessar o site da Shopify é definir que tipos de produtos você vai vender.


Sua loja será genérica ou nichada? Se escolher a segunda opção, busque pesquisar bem os produtos com mais saída.


No geral existem dois tipos de produtos, os chamados produtos vencedores, que são aqueles que acompanham tendência e geram vendas altas em um curto intervalo de tempo, e os produtos consolidados, que têm resultados mais constantes.


Busque equilibrar bem a sua loja com ambos. Só ter produtos campeões pode ser um risco quando eles saírem de alta. Ao mesmo tempo, não tê-los em seu portfólio faz com que sua loja perca boas oportunidades de lucro.


Saiba mais: O que vender na Shopify? Descubra qual nicho de mercado explorar


Defina o nome da sua loja e adquira um domínio próprio

Após definir o que você vai vender, é hora de escolher um nome para a sua loja e comprar o domínio com este nome para que sua loja seja única.


Lembre de escolher um nome fácil de memorizar e de falar, se precisar de ajuda use o gerador de nomes da Shopify.


Escolha a plataforma de ecommerce ideal

Outro ponto fundamental para quem vai abrir uma loja de dropshipping nacional é a escolha da plataforma ideal.


Neste caso, é preciso equilibrar dois pontos, os preços mensais dos planos e a quantidade de recursos oferecidos, no geral preze por aquelas que oferecerem:


  • bom suporte;

  • aplicativos e integrações;

  • produtos ilimitados.


Conheça mais sobre as suas opções no artigo, “TOP 4 | Melhores plataformas para fazer Dropshipping”.


Configure gateways de pagamento e frete

Não dá para ter uma loja de dropshipping nacional de sucesso sem boas formas de pagamento e um frete organizado.


Por isso, busque oferecer a maior variedade possível de opções de pagamento e sempre busque fornecedores que ofereçam fretes rastreáveis.


Ver também: Formas de pagamento Shopify: 5 opções de gateways | Líderes



Escolha bem seus fornecedores

Além de bom frete, você deve garimpar bem os seus fornecedores, afinal eles são um fator determinante para o sucesso ou não no dropshipping. Por isso, antes de firmar uma parceria busque sempre:


  • conhecer a reputação do fornecedor no Reclame Aqui e com outros dropshippers;

  • testar os produtos antes de anunciá-los na sua loja;

  • avaliar a fundo a política de trocas e devoluções.


Entenda melhor como cumprir essa etapa assistindo o vídeo abaixo.



Faça a integração para dropshipping

Por fim, para automatizar o dropshipping dentro da sua loja será necessário uma integração que permita que você adicione produtos dos seus fornecedores diretamente para sua loja.


No caso da Shopify, por exemplo, isso pode ser feito por meio de dois aplicativos.


Tanto o Oberlo quanto o Dsers podem ser integrados diretamente na sua loja, possuem extensões para que você adicione produtos do Aliexpress ao seu site e versões gratuitas.


A principal diferença é que o Oberlo só permite 500 produtos na versão grátis, enquanto que o Dsers libera 3000.


Pronto, dessa forma seu site estará apto para vender, para saber mais detalhes de cada passo e mais pontos mais elaborados de uma loja de dropshipping nacional, assista o vídeo abaixo.



3 dicas para alavancar as vendas da sua loja de dropshipping nacional

Agora que você já sabe como criar a sua loja de dropshipping nacional, separamos três dicas infalíveis que você precisa saber para aumentar as chances de sucesso do seu negócio, veja a seguir.


Aumente os canais de venda da sua loja

Quando você começa uma loja é normal que no início ela receba poucos visitantes, por não ser conhecida pelo público. Por conta disso, a dica é diversificar os canais de venda da sua loja para aumentar o alcance.


Hoje em dia o Instagram, por exemplo, possui uma aba própria de loja, o Whatsapp já recebe pagamentos e cria catálogos de produtos, sem falar nas opções de Marketplace onde você pode usar uma vitrine com muitas visitas como a Amazon, Americanas ou Submarino para vender seus produtos.


Escolha algumas opções que parecem interessantes para você e aumente o alcance da sua loja.


Sempre foque na sua persona

Conhecer bem o seu público é essencial para abordá-lo da melhor forma e oferecer o que ele quer. Por isso, invista um tempo criando as personas do e-commerce, o que eles consomem, quais suas dores, o que procuram e etc.


À medida que você conhecer mais o perfil do seu público, mais fácil será para trazer o que ele quer na hora certa e, com isso, vender mais.


Invista em tráfego pago

Por fim, outra forma de trazer pessoas para conhecer sua loja de dropshipping nacional é através das ferramentas de anúncios patrocinados. Por isso, vale a pena investir um tempo para aprender a usar o Facebook e o Google Ads para criar ótimas campanhas.


E aí, pronto para abrir a sua loja de dropshipping nacional? É claro que iniciar um negócio online não é tão fácil quanto parece e se você já está a algum tempo pesquisando sobre o tema, sabe do que estamos falando.


Entretanto, existem algumas ferramentas e aplicativos que podem tornar mais fácil o seu trabalho, entre elas:


  • Boleto Recovery, te ajuda a recuperar boletos que não foram pagos pelos clientes, otimizando seu tempo e ampliando a taxa de vendas

  • Parcelamento - Installments, ajuda a gerar confiança no cliente, que sabe qual o valor das parcelas e o total do pedido, tornando o produto mais acessível (uma vez que pode ser parcelado) e aumentando o ticket médio dos clientes.

  • Shoplinks, é uma plataforma que te ajuda a encontrar influenciadores digitais e afiliados que podem se tornar seus aliados na busca por alcance e vendas.

Ficou interessado? Conheça mais sobre as nossas soluções. Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários. Boas vendas!



2 visualizações0 comentário