• Rodrigo Bernardes

Como trabalhar com dropshipping vai te transformar em um empresário de sucesso

Muitas dúvidas surgem quando estamos pensando em começar a trabalhar com dropshipping ou com qualquer modelo de negócio da internet, não é verdade?


Pensando nisso, neste artigo vamos solucionar algumas das principais questões sobre como trabalhar com dropshipping pode ser uma ótima opção para quem busca se tornar um empreendedor de sucesso.


Chegou a hora de entender como funcionam as etapas do dropshipping e quais os principais passos que devem ser tomados para transformar seu e-commerce em um modelo altamente rentável.


O que é dropshipping?

O primeiro passo para se começar a trabalhar com dropshipping é entender o que é e como funciona o dropshipping.


Quando pensamos em dropshipping a primeira coisa que precisamos compreender é a diferença dele em relação ao modelo tradicional de um e-commerce.


Enquanto em um e-commerce tradicional é necessário possuir um estoque de produtos, no modelo de dropshipping não é necessário que você se preocupe com isso.


Em um modelo dropshipping o dono do e-commerce não possui estoque nem uma fábrica para produzir os produtos, já que eles vêm de um fornecedor terceirizado e são enviados diretamente para os compradores.


Enquanto o fornecedor escolhido fica responsável pela produção, armazenagem e envio dos produtos, o dono da loja virtual fica responsável por criar a loja virtual e atrair os clientes para os produtos escolhidos.


Vantagens de trabalhar com dropshipping

Agora que já entendemos como funciona o modelo, chegou a hora de falarmos um pouco sobre as vantagens de trabalhar com dropshipping. Lembrando sempre que como em todos os modelos de negócio existem vantagens e desvantagens.


Leia mais em: Vantagens e desvantagens de e-commerce e dropshipping: tudo para te ajudar a fazer sua escolha!


Quando pensamos na possibilidade de abrir uma loja online sem a necessidade de ter um estoque para armazenar os produtos, logo fica claro que o custo para abrir esse e-commerce será menor.


Alguns dos outros pontos favoráveis ao dropshipping são:


  • possibilidade de grande variedade de produtos, já que não é necessário investir na compra e depois na revenda, você perde a limitação financeira e pode abastecer sua loja com mais produtos,

  • logística simplificada já que o envio dos produtos é responsabilidade do fornecedor,

  • possibilidade de investir mais em anúncios, já que o custo inicial é baixo.


Então, trabalhar com dropshipping é fácil?

Já que não é necessário possuir um estoque nem se preocupar com a logística de entrega destes produtos, isso quer dizer que montar um dropshipping é fácil?


A resposta é bem simples, NÃO. Quando pensamos em montar um negócio próprio, nenhuma opção é fácil. Apenas existem problemas e dificuldades específicas para cada modelo de negócio, seja ele um e-commerce tradicional, dropshipping ou loja física.


Chegou a hora de pontuar algumas desvantagens do dropshipping, que podem fazer você pensar em abrir um negócio em outro modelo. São eles:


  • possíveis problemas com o prazo de entrega e a qualidade dos produtos, que ficam nas mãos dos fornecedores,

  • tributação de produtos quando se trata de dropshipping internacional (é possível solucionar com a escolha correta da forma de envio),

  • prejuízo com devolução de produtos.


Todas essas questões, entretanto, podem ser solucionadas ou tributadas quando você cuida de todos os detalhes da sua loja. Por isso, a dedicação à gestão do negócio é fundamental.

3 passos para começar a trabalhar com dropshipping

Já falamos um pouco sobre como trabalhar com dropshipping e seus pontos positivos e negativos.


Chegou a hora de falarmos sobre alguns passos importantes que devemos tomar ao pensar em abrir um ecommerce neste modelo.


Passos estes fundamentais para transformar seu negócio em uma loja profissional e respeitada por seus clientes.


Separamos três dos principais passos que vão te auxiliar a trabalha com dropshipping e ter sucesso:


  • Defina seu nicho de mercado

  • Selecione a plataforma de sua loja virtual

  • Escolha fornecedores de confiança


1. Escolha seu nicho de mercado

Antes de começar a trabalhar com dropshipping é fundamental escolher e planejar qual o nicho de mercado você pretende alcançar com os produtos escolhidos.


Além de escolher qual ramo a sua loja vai seguir podendo ser de eletrônicos, roupas, jóias ou qualquer outro tipo de mercado, é fundamental escolher qual tipo de cliente você pretende alcançar.


Por exemplo, se você vai criar uma loja de roupas, é necessário definir se seu foco será vender roupas populares, roupas de ginástica, peças femininas e masculinas, roupas de grifes com um alto valor de mercado agregado e mais.


Definir seu nicho de mercado ajuda você a concentrar seus investimentos para atrair o público certo e vai contribuir para que você conheça seus clientes e crie estratégias para alcançá-los e importá-los.


Precisa de inspiração? Então acesse nosso artigo: TOP 6 nichos de mercado para dropshipping para começar!


2. Escolha a plataforma de sua loja virtual

Ao entrar neste mercado é fundamental escolher a plataforma em que sua loja vai estar inserida. Escolher esta plataforma se torna peça fundamental, pois é ela que vai te auxiliar na venda dos produtos.


Atualmente existem várias plataformas que oferecem esse tipo de serviço, sendo uma das principais a Shopify.


Na Shopify você consegue montar sua loja sem a necessidade de contratar programadores para isso.


Além de ser uma ferramenta que possui uma loja de aplicativos que vão te auxiliar na hora de você manter todas as funções fundamentais que um site de vendas precisa ter como:


  • processamento de pagamentos,

  • controle de vendas,

  • recuperação de boletos,

  • parcelamento de compras,

  • criação de um chat para atendimento ao cliente,

  • integração com fornecedores como Aliexpress e muito mais.


Leia também: Como fazer dropshipping com o AliExpress em sua loja Shopify? Saiba tudo!


3. Escolha seu fornecedor

Depois de montar sua loja virtual na plataforma de sua preferência e escolher o nicho de mercado que você pretende alcançar, não podemos deixar de falar da importância de escolher seu fornecedor.


Quando pensamos em trabalhar com dropshipping escolher os fornecedores se torna uma das etapas mais delicadas para seu negócio dar certo, afinal, é de responsabilidade do fornecedor a produção e envio da mercadoria, como já falamos acima.


É importante e fundamental ter a consciência de que apesar de não ser responsabilidade da sua loja enviar o produto nem produzi-lo é ela que será julgada pelos clientes como de confiança ou não.


Agora que você já tem um panorama geral sobre como trabalhar com dropshipping, que tal complementar seu conhecimento aprofundando em outras dicas sobre como começar sua trajetória, na prática? Confira o vídeo abaixo no qual apresentamos tudo o que você precisa para criar uma loja dropshipping do zero.



Se preferir, uma outra opção muito interessante para que você amplie seu conhecimento sobre como iniciar um negócio de sucesso, é fazer cursos oferecidos por especialistas. Conheça alguns deles no artigo, “3 melhores cursos de Dropshipping para começar a vender já!”.


Lembre-se também de contar com os aplicativos da Shopify. Com eles fica mais fácil trabalhar com dropshipping e alcançar o sucesso. Entre essas ferramentas estão:


  • Boleto Recovery, te ajuda a recuperar boletos que não foram pagos pelos clientes, otimizando seu tempo e ampliando a taxa de vendas

  • Parcelamento - Installments, ajuda a gerar confiança no cliente, que sabe qual o valor das parcelas e o total do pedido, tornando o produto mais acessível (uma vez que pode ser parcelado) e aumentando o ticket médio dos clientes.

  • Shoplinks, é uma plataforma que te ajuda a encontrar influenciadores digitais e afiliados que podem se tornar seus aliados na busca por alcance e vendas.

Ficou interessado? Conheça mais sobre as nossas soluções. Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários. Boas vendas!


71 visualizações0 comentário